27 de jul de 2012

Capitulo 8/2 - 2 Semanas Depois -

Duas semanas havia se passado desde a 'briga' que tiveram, eles passavam tão lentamente como se esvivesse se arrastando.. Zac estava jogado no sofá sua campanhia tocava berrantemente.
- Vai embora!
Gritou irritado, mais isso não bastou para a 'pessoa' desistir, isso só a fez continuar mais e mais. Zac se levantou irritado e abriu a porta, seus olhos de raiva se diciparam formando, dor e arrependimento.
- O que você faz aqui?
- Eu...Preciso conversar com você.
- Você sabe que é perigoso você andar por aí sozinho?Sebastian está procurando você!
- Relaxa pai...E eu não estou sozinho!
Ashley se aproximou com aquele dozinho presunsoso.
- Ashley?
- E aí maninho!
Ele sorriu para ela, Henry sorriu com o gesto.
- Posso entrar ou você vai me deixar aqui fora?
- Claro..Entra!
Zac deu passagem para ele entrar, Ashley o acompanhou.
- URG...Você não arruma essa casa não?
Zac a ignorou, ele virou para Henry preocupado.
- Sua mãe sabe que você está aqui?
- Não...
- Não?Ela vai ficar louca quando saber que você sumiu!
- Relaxa, eu avisei para Anabelle e Ian, e bem eles me apoiaram em vim ver você.
Zac sorriu para ele.
- Você...Veio me ver?
- Sim.
- Humft, to esperando lá fora!
Disse Ashley saindo emburrada.
- Como se você não fosse ouvir cada palavra que eu disser!
Henry disse rindo, ela lhe mostrou a lingua e saiu.
- Como...Ela está?
- Pelo pouco que eu já estive com ela...Ela parece está...Depreciva.
- Deprecisa?
- É...Um anjo deprecivo, isso existe?
Ele disse se sentando no sofá. Zac o acompanhou.
- Sim...Afinal quando sua mãe "morreu" eu fiquei deprecivo 17 anos.
- Sério?
- É..Eu achava que...Ela não ia voltar.
- E você não sabia sobre...Mim?
- Não, ela fez um ótimo trabalho escondendo você.
- É...Zac..Quero dizer...Pai...E essa...Lilith...O que ela é?
- Um Demônio...Ela estava ajudando Christian, seu avó a pegar Vanessa...Se certa forma...Eu também estava...
- Não nesse sentido...O que vocês são?
- Nada..Eu nunca me apoixonei até encontrar a sua mãe...Foi por ela que eu caí.
- Caiu...Do céu?
- É...
- Isso é...
- Estranho?
- Bonito.
Zac sorriu para o filho.
- Lilith se aproveitou de mim...Eu estava fraco, perdido..
- Diz isso pra mamãe. Ela vai acreditar.
- Você não conhece ela...Ela é muito cabeça dura.
- EU CONCORDO!
Ashley gritou os fazendo rir.
- Você quer beber algo?
- Não...Só queria saber mais sobre essas coisas de anjo.
- Certo...Vou te falar tudo o que sei. Zac olhou para o pescoço de Henry e o notou.
- O que foi?
- Esse cordão...
Henry o pegou por reflexo.
- Eu não sei quem me deu...Sempre esteve comigo.
- Eu dei a sua mãe, e ela deve ter posto em você ntes de...Morrer.
- Sério?
- Sim..Era de quando eu era Anjo.
Henry feichou o punho em volta do cordão.
- Vocês tem que conversar, eu não suporto vê ela olhando aquela janela. 
Ele sussurrou.
- Ela não vai me ouvir.
- Você só tem que tentar.
Zac sorriu concordando.

[...]

- IAN ME DIZ ONDE ELE ESTÁ AGORA!
- Ele pediu para eu não dizer Vanessa.
- Sério?Você não vai me dizer onde o MEU filho foi?Ele corre perigo e você sabe disso!
- Ele está com a Ashley...Relaxa, o pai dele não vai deixar nada acontecer com ele.
- EPA EPA EPA você disse o pai dele?
Ian sorriu sem graça.
- Ops.
- IAN EU VOU TE MATAR!
- Tecnicamente eu não posso morrer a não ser...
- AAARG se acontecer alguma coisa com ele eu juro...
- Eu to bem Mãe!
Ele disse da  porta, Vanessa suspirou e o abraçou.
- Como você pode fazer isso comigo?eu estava quase...
- Me matado. - Ian disse entediado -
- IAN!!
- Desculpe.
- Henry você tem noção do que você fez?
- Sim...
- Então..Espera você disse sim?
- Sim...E eu sei que estou de castigo...
- Sabe?
- Sim. Duas semanas. 
- Sim duas semanas sem sair de casa.
- Eu não queria sair mesmo.
- Ótimo!
- Mas...
Vanessa suspirou, sabia que vinha bomba por aí.
- Mas?
- Você vai conversar com ele.
- Henry isso está fora de cogitação.
- Não está não...
Ele olhou para porta e Vanessa seguiu seu olhar Zac estava ali parado com as mãos no bolso.
- Oi.
Vanessa encarou Henry.
- Duas semanas é pouco para você. Um mês! - Henry abriu a boca - E me der o celular - Ele tirou o Iphone do bolso. - Quarto agora!
Ele subiu resmunfando. Vanessa se virou para Zac com os lábios cerrados.
- O que você está fazendo aqui?
- Eu preciso falar com você.
- Não tenho nada para falar com você.
- Vanessa por favor.
Ela olhou em volta. Suspitou e se virou para ele.
- Não aqui.
- Onde?
- Na clareira. - Ela se aproximou da janela. sorriu divertida.- Te vejo lá.
E vôo para escuridão, Zachary sorriu, suas asas se abriram e um sorriso brotou em seus lábios.

XXXXX ---XXXXX

Bem aí está o capitulo.
Espero que comentem oook?

Xoxo s2

13 de jul de 2012

CABO A PALHAÇADA!

CANSEI DE ESCREVER PRO VENTO OK?
EU DOU DURO DEMAIS PRA VOCÊS LEREM E NÃO COMENTAREM!NÃO CUSTA PORCARIA DE TEMPO NENHUM DAR A SUA OPINIÃO!MAIS MESMO ASSIM VCS NÃO FAZEM E É O QUE ME DEIXA MAIS IRADA POR ISSO EU D-E-S-I-S-T-O DE ESCREVER!SIMPLESMENTE CANSEI DE SER FEITA DE PALHAÇA!ACABO FANFICS DA LINE!

ADEUS!

1 de jul de 2012

Quer saber?

Eu desisto de postar Fanfics, vocês não comentam mais!Eu cansei de escrever para o vento!Simplesmente cansei!Deisto! Apartir de agora a fic estará acabada, sem um final realmente, vou abandonar todas!

Adeus!