27 de out de 2011

Capitulo 1/1 - A Chegada

Minha vida tem sido complicada desde o acidente, pois é, eu sofri um acidente e acabei perdendo a memoria, bem eu só me lembro de coisas bem passadas. Bem eu tenho 2 irmãos: Ian e Paul, Ian é mais velho, tem 26e Paul 18, e eu 17, meus pais morreram no mesmo acidente que eu, pelo menos foi o que meus irmãos disseram, bem neste momento eu estou no carro, indo para a nossa nova cidade...De novo, pois é já passamos por N.Y, Nova Orleans, Chicago, Los Angeles, Albuquerque, Luisiana  tudo isso em 6 meses e agora, vamos para Dallas.
- Que droga viu Ian, toda vez é isso!...Você tinha mesmo que dar um soco na cara do Alan?
Dizia Paul irritado, ele tinha razão né.
- Ele chingo a mamãe!
Se defendeu.
- Mais você tinha que socar o seu chefe?
- Eu não gosto que falem mal da mamãe, e vocês sabem disso.
Eu olheis para eles.
- Será que dá para vocês calarem a boca?Eu quero ler esse livro!
Disse divertida, eu sabia que eles não iam para de falar, só para me irritar.
- Paul a Anã não tá estressadinha.
Paul se inclinou para o lado.
- Se eu fosse você, não irritava ela.....É a TPM!
- Paul, Ian eu tô bem aqui atrás!
- É Ian, ela ouviu.
Disse baixo, revirei meus olhos, eles eram tão idiotas, mais tão legais.
- Me diz, por que Dallas?
- Por quê papai e mamãe, se conheceram lá!
- Legal...Acho que agora a gente fica em um cidade, mais de 1 mês.
- Se o Ian não bater no policial..
- Ou no Chefe...
- Ou no Médico...
- Ou no Garçon...
- Ou no...
- Chega !Dessa vez eu vou me segurar antes de quebrar a cara de alguém.
- Tomara!
Dissemos Paul e eu juntos.

(...)

- Gostou?
Paul me perguntava sobre a nossa nova casa, era na floresta, meus irmãos adoram ar livre.
(Foto da Casa)
- Amei!
- Que bom...Foi...
In ia dizendo abrindo janelas, portas, tudo.
- Pode me dar os créditos Ian.
Disse a nossa amiga Nina.
- Nina.
Disse Paul e Ian juntos, pois é Ian já namorou a Nina e acredite, não foi um namoro bonito de se ver.
- Paul...Ian.
Disse com desgosto.
- Como você está Nina?
Disse Paul tirando o climão.
- Estou bem Paul... - Ela olhou para mim - E você querida, como está?Soube que sofreu um acidente.
- É, faz 7 meses, mais eu estou bem.
Disse sando de ombro.
- E eu?Ninguém vai pergunta como eu tô?
Perguntou Ian fazendo biquinho. Ian riu e Nina foi para outro canto da casa.
- Ian, meu irmãozão como você está?
- Bem Vane, que bom que perguntou ?
Ele mostrou todos os dentes e eu e Paul rimos.
- Legal, onde é meu quarto?
Perguntei já subindo as escadas.
- Segunda porta a esquerda.  - Paul disse -
- Òtimo!
Eu subi, era um quarto comum, paredes amarelas, com persianas brancas e uma vista linda para um rio, e ainda um espaço para eu poder pintar, era maravilhoso. Joguei minha bolsa na cama fui até a tela, peguei o pincel e as tintas e imaginei.
********************
Espero que gostem!
Bjos

2 comentários:

Margarida disse...

1º capitulo muito bom:)
posta logo
bjs

@thais100zanessa disse...

amei.. super.. sei lá.. emocionante.. sério.. amei amei..posta logo ... assim que eu terminar de escrever o capitulo em ZHBR :http://zanessahistoriasbr.blogspot.com/
eu divulgo la ta??
beijinhos :** love ya s222